Vendas de veículos usados reagem em fevereiro

O Estado de São Paulo, ao contrário, tem queda nas vendas

O relatório divulgado pela FENAUTO, com os dados de comercialização de veículos usados no Brasil, no mês de fevereiro de 2021, mostra uma reação positiva do setor. Em comparação com as vendas realizadas em janeiro de 2021, o setor teve um crescimento de 2,3%, com 1.188.275 veículos comercializados, contra 1.162.057 anteriormente. Também, em comparação com fevereiro de 2020, as vendas chegaram a um resultado positivo de 15,9%.

O acumulado deste ano já chegou a um total de 4,8% a mais que em 2020, com um total de 2.242.641 unidades, enquanto que em 2021 foram 2.350.332. Na contramão do resto do país, as vendas no Estado de São Paulo, durante o mês de fevereiro, recuaram 6%. O fato é atribuído pela entidade, ao aumento de 207% no ICMS desses veículos. Nesse Estado, a comparação com fevereiro de 2020, ficou ainda pior, com 9,7% unidades a menos.

Para o presidente da FENAUTO, Ilídio dos Santos, a reação nas vendas pode estar relacionada “ao cancelamento das festividades de Carnaval (em função do aumento de casos de COVID-19), e também à estabilização da economia no mês, sem tantos compromissos financeiros como os que incidem em janeiro. A expectativa é que esse movimento positivo continue ao longo dos próximos meses, juntamente com o retorno gradativo das atividades da economia com o avanço da vacinação pelo país”.